Confira como melhorar a sua análise técnica do mercado financeiro

Gustavo Ribeiro

16 novembro 2022 - 09:00 | Atualizado em 12 abril 2023 - 18:03

confira-como-melhorar-a-sua-analise-tecnica-do-mercado-financeiro

Hoje em dia, a tecnologia faz parte de tudo aquilo que nos permite ter mais agilidade, eficiência operacional e precisão nas decisões, e na análise técnica do mercado financeiro isso não é diferente!

Com a ferramenta de Data Feed de acompanhamento de ações em tempo real, por exemplo, você ganha capacidade analítica por meio da coleta e do monitoramento de dados relevantes do mercado. Assim, fica mais fácil planejar as suas estratégias de médio e longo prazo com assertividade.

Mas como usar esse tipo de solução e como ela pode contribuir ativamente para a melhora da sua análise do mercado financeiro? Continue a leitura para entender esses pontos detalhadamente!

O que é um Data Feed?

Antes de falarmos especificamente sobre o que é Market Data Feed e o impacto em sua análise do mercado financeiro, precisamos dar um passo para trás para enxergar o cenário completo, e isso nos traz ao conceito de Data Feed

No mercado financeiro, o feed atua como um terminal de informações, criado para integrar os dados abertos de um sistema, usados para compor diversas atividades. Um exemplo disso é a notificação que os usuários recebem no celular, quando uma movimentação ocorre em sua conta bancária. A própria Bolsa de Valores possui um feed. 

Dependendo do setor,  o feed pode ser usado para cumprir outras tarefas e objetivos, como, por exemplo, unificar as informações de diversas fontes para tomar decisões com mais agilidade e assertividade, ou cruzar os dados de maneira automatizada. Evitando, assim, conferências manuais.

É importante destacar também, o peso de uma ferramenta como o Market Data Feed para as análises e avaliações de quem lida com investimentos.

Como funciona o Market Data Feed?

Você quer adquirir algum título ou está pensando em investir em commodities, mas ainda necessita se aprofundar melhor no assunto para tomar uma decisão mais assertiva? 

Em casos como esse, o investidor precisa de informações que constam em um feed que apresentam preços e liquidez desses ativos, que são determinantes para basear as suas negociações. 

O Market Data Feed nada mais é do que a ferramenta que integra todas as informações desses ativos e as atualiza em tempo real. Veja alguns desses ativos que são constantemente oferecidos pelo feed:

  • Ações;
  • Futuros;
  • Moedas;
  • Commodities;
  • Entre outras. 

O ponto-chave é que o Market Data Feed busca informações de diferentes fontes simultaneamente, interpretando-as rapidamente para suprir a demanda do mercado, exatamente como acontece quando os dados da B3 (a Bolsa de Valores) é atualizada, por exemplo.

Com acesso ao Market Data Feed, você usa a interface do programa para comparar e analisar os dados do mercado financeiro. E, após a chegada definitiva da transformação digital na sociedade, é inegável que uma base maior de informações se converte — com o uso das ferramentas corretas — em decisões mais racionais e assertivas e menos pautadas por intuições.

>> Saiba mais: Market Data: Tudo o que você precisa saber sobre!

Quais são os tipos de feed de Market Data e suas funções?

Transformar a sua visão geral do mercado financeiro para basear-se em decisões melhores exige um conhecimento técnico sobre quais soluções proporcionam mais qualidade ao seu trabalho.

Portanto, vale entender como o Market Data Feed tem a oferecer com base em classificações específicas. Confira-as, abaixo:

  • Feeds em tempo real (ou real-time) são aqueles que atualizam informações da B3 tão logo elas acontecem — ideal, portanto, para quem toma decisões rápidas e lida com curtas janelas de tempo para oportunidades imediatas do mercado financeiro;
  • Feeds em delay oferecem atualizações a cada 15 minutos, o que se mostra mais relevante para quem não usa o fator tempo como determinante para as suas decisões;
  • Feeds com dados históricos são ideais para quem faz uma análise do mercado financeiro com mais amplitude. Afinal, esse feed de market data foca em um passado mais distante — por exemplo: os últimos 3 meses de oscilação de determinado ativo.

Se avaliarmos a mesma solução sob outras perspectivas, o Market Data Feed pode ser classificado também por nível de profundidade e amplitude dos dados, sendo:

  • Nível I (ou Top-of-Book), que reúne os dados de ativos que tiveram os lances e ofertas mais caros;
  • Nível II (ou Depth-of-Book), que aprofunda a quantidade de informações e não se limita aos parâmetros do primeiro nível — ideal para quem faz uma análise do mercado financeiro mais criteriosa.

Também é interessante observar que uma solução de Market Data é integrada a uma série de plataformas que já fazem parte da rotina de analistas do mercado financeiro. É o caso da Fast Trade, da Bookmap e do NinjaTrader, entre outras.

>> Veja também: Conheça os principais benefícios de um Market Data em uma empresa

Market Data Cloud e a integração de dados do mercado financeiro

O mercado financeiro sempre foi dinâmico e, por muitos anos, as decisões eram baseadas no instinto e em informações privilegiadas compartilhadas por poucas pessoas.

Mas a transformação digital trouxe soluções acessíveis para que uma análise do mercado financeiro possa ser feita por mais pessoas. E as informações são compartilhadas em tempo real, o que ampliou as possibilidades de se qualificar continuamente como um trader de destaque.

Mas independentemente da sua decisão sobre qual Market Data Feed escolher, vale sempre comparar os diferentes modelos para que você tenha, acima de tudo, a informação desejada e no tempo certo — seja no presente momento, com 15 minutos de atraso com relação às atualizações ou para registrar períodos longos do passado.

Portanto, não existe uma resposta certa sobre o tipo de Market Data Feed a ser usado. Mas para você que tem interesse em fazer uma análise do mercado financeiro com mais qualidade e precisão nas suas escolhas, independentemente do tipo de feed, é muito recomendado que você procure por um feed de Market Data para apoiar-se no dia a dia.

Para te ajudar nesse trabalho, o Market Data Cloud, desenvolvido pela Cedro Technologies, oferece inúmeras APIs para integração de dados com a bolsa de valores, para que investidores e empresas tenham acesso a dados financeiros de empresas do mercado e possam elaborar estratégias de investimento com essas informações privilegiadas.

Para saber qual API é a mais recomendada para seu negócio, entre em contato com nossa equipe e saiba mais!

Recomendados para você

Pessoas em frente a computador utilizando celular exibindo aplicativo de banco online
Pix: o que é e qual o seu potencial nos serviços financeiros? ...
Pessoa utilizando um aplicativo de investimentos no celular
Entenda a importância do gerenciamento de riscos no day trade ...
Telas de computador em um estúdio de TV
API para compra e venda de ações e mini contratos ...